Quando Pagar uma Aposta Depois da Virada das Três Primeiras Cartas da Mesa com uma Mão Inferior a um Par Alto

IMG269br
Descomplique o seu jogo de adivinhação

Já se foi a época do pôquer na internet em que dava para desistir seguramente de qualquer mão que não fosse superior a um par alto e ainda assim sair lucrando.

Jogar com uma mão inferior a um par alto pode ser complicado quando não se tem vantagem.

Resta à pessoa ficar tentando adivinhar e torcer para que seu adversário não tenha uma mão melhor que a sua.

Mas essa estratégia de adivinhação pode ser facilitada se você prestar atenção a três fatores de suma importância.

1) O Seu Adversário

Você deve analisar o seu adversário. Preste atenção com que frequência ele aposta após a virada das três primeiras cartas da mesa.

Preste atenção com que frequência ele só fica no jogo após a virada das três primeiras cartas da mesa e com quais cartas apresentadas. Preste atenção com que frequência ele aposta após a virada da quarta carta da mesa.

Preste atenção com que frequência ele joga controlando o pote com mãos com boa probabilidade de vencer em um enfrentamento final.

Sempre procure entender o seu oponente.

Se ele sempre só ficar em todas as mãos que não tenham um par alto, só apostar com par alto e blefar com a mesa mostrando J♥ 7♠ 3♣, você sabe que, quando ele apostar, é porque ou tem um par alto ou está blefando.

Se esse mesmo adversário raramente aposta na virada das três primeiras cartas da mesa e depois também na quarta carta, você também saberá que, quando ele apostar novamente na quarta carta, é porque tem um par alto ou uma mão melhor.

Uma regra geral é que você deva ter uma propensão menor a pagar apostas com uma mão fraquinha tipo par médio se for provável que seu adversário vá continuar a pressionar na virada da quarta e da quinta cartas.

2) Naipe das Três Primeiras Cartas da Mesa

Um dos fatores mais importantes para decidir explorar a virada da quarta carta com uma mão tipo par médio é o naipe das três primeiras cartas da mesa.

Há combinações que não são tão prováveis que tenham encaixado com o jogo do seu adversário.

Por exemplo, uma mão com 8♠ 7♠ é mais provável de encaixar com uma mesa mostrando J♥ 8♦ 4♠ que K♥ 2♣ 7♣. Sendo assim, você deve ficar mais inclinado a só pagar apostas, sem aumentá-las.

Procure familiarizar-se com que tipo de jogo o seu adversário aumenta apostas antes da virada das três primeiras cartas da mesa, e sempre que for encarar uma aposta, avalie qual é a probabilidade de ele ter um jogo decente.

3) Possibilidades e Potencial

Assim como acontece em outros casos, no Texas Hold’em você deve ficar mais propenso a pagar apostas se tiver mais de uma possibilidade.

Possibilidades conferem potencial à sua mão.

Você espera que seu adversário pare de apostar quando paga a aposta dele, mas é melhor que sua mão tenha potencial caso ele opte por continuar.

Um exemplo:

Você está jogando pela internet, estilo US$ 1/2 com máximo de seis jogadores à mesa, com pilhas de fichas efetivas de US$ 200.

IMG588br

Você está com o big blind e um dos jogadores que é bem estável aumenta para US$ 6. As três cartas da mesa mostram Q♥ 6♠ 3♠. Você entra com check e seu adversário aposta US$ 10.

Com qual dessas duas mãos você preferiria pagar essa aposta: 8♦ 8♣ ou 6♥ 7♥?

Embora o par de 8 seja a “melhor” mão em termos de força absoluta, a mão com 6♥ 7♥ é a melhor mão em termos de possibilidades. O motivo é porque a mão com 6♥ 7♥ tem maior possibilidade de um “Plano B” dar certo.

Quando o seu par de 8 for insuficiente, você tem duas possibilidades para melhorar - as duas cartas 8 restantes. Quando a sua mão com 6♥ 7♥ for insuficiente, instantaneamente você tem um maior número de possibilidades.

Há as duas cartas 6 restantes, bem como as três cartas 7 restantes. Só aí são cinco possibilidades.

Também há o backdoor flush e possibilidades de sequências, o que significa que há muitas cartas que podem chegar e melhorar a sua mão na virada da quarta carta da mesa.

Não fique apenas pagando apostas e desistindo após a virada da quarta carta.

Portanto, a “melhor” mão para pagar uma aposta é a com 6♥ 7♥ - embora seu valor absoluto seja inferior ao da mão com 8♦ 8♣.

Lembre-se:

Há muito valor em jogar mãos inferiores a um par alto - sobretudo contra adversários que exageram nos aumentos de apostas antes e após a virada das três primeiras cartas da mesa.

Procure familiarizar-se com o modo com que seus adversários jogam certas mãos e preste atenção às suas frequências de apostas.

Não se reduza apenas a pagar apostas e desistir após a virada da quarta carta todas as vezes.

Preste atenção à conclusão da mesa e avalie a probabilidade de seus adversários dobrarem ou triplicarem as apostas.

Desistir de todas as mãos que não sejam par alto é basicamente deixar de ganhar dinheiro. Mas se começar a pagar todas as apostas em todas as mãos sem pensar, acabará queimando ainda mais dinheiro.

Basta pensar em como a sua mão pode se sair contra a gama de possibilidades da mão do seu oponente e jogar pôquer.

E lembre-se de que um potencial Plano B confere muita força à sua mão.

Please fill the required fields correctly!

Error saving comment!

You need to wait 3 minutes before posting another comment.

Nenhum Comentário