Global Poker Index muda para acolher jogadores de eSports

Gaming Player Index
Nova Classificação Global

O Global Poker Index vai ter um novo nome. O Gaming Player Index prepara-se para reunir todos os melhores jogadores da nova atração do momento, os eSports.

O Global Poker Index desvendou um dos seus novos projetos para o futuro. A marca liderada por Alexandre Dreyfus vai para além do poker e vai centrar-se nos eSports. O GPI vai se recriar como “Gaming Players Index” e vai expandir os seus rankings de pontos de modo a incluir os eSports.

Dreyfus disse ao PokerListings que o Global Poker Index vai continuar a existir como um produto autónomo, mas será acompanhado de outros jogos, como o GPI Heartstone, GPI Dota, entre outros.

“GPI será o nome para todos os jogos competitivos” disse Dreyfus.

Muito Potencial nos eSports e no Poker

Alexandre Dreyfus
Líder do GPI

Dreyfus não tem dúvidas em afirmar que não vê alterações significativas no poker ao vivo nos próximos 5 anos, mas que o poker online terá uma feroz competição com os vídeo jogos e jogos móveis, tais como o Hearthstone.

Dreyfus tem esperança que a companhia seja capaz, com a sua história em dados e classificações – tanto no Hendon Mob e mais recentemente no GPI – de oferecer um serviço atrativo no mundo do gaming.

“Imaginámos que o GPI se transformaria no Gaming Poker Index – a Autoridade de Rankings de Jogos Competitivos – e isso deixa-nos entusiasmados” disse.

“Desempenharíamos o mesmo papel em todos os jogos como temos vindo fazendo com o poker, reunindo e classificando os jogadores em todos os jogos. Juntando os números e oferecendo uma imagem completa do panorama competitivo em cada jogo”.

Se estima que a indústria dos vídeo jogos tenha um mercado de $108,000 milhões, maior que a indústria dos filmes e música combinados. Enquanto a estimativa para o poker está apenas fixada nos $2,000 milhões. 

Existirá uma Global Poker League 2.0?

Ainda relacionado com esta notícia, Dreyfus quis falar sobre a Global Poker League. Embora não esteja diretamente relacionada, a GPL tem permanecido parada e não se sabe se existirá uma segunda edição desta liga.

A temporada inaugural da GPL teve alguns pontos altos tais como o draft, a participação do ator Aaron Paul e duelos nas mesas muito interessantes. Mas falhou no seu principal objetivo, atrair uma grande audiência.

A liga contou com 12 equipas competido durante grande parte do ano, tanto em competição ao vivo como online. No fim, os Montreal Nationals acabaram por se sagrar campeões e ganhar US$100,000.

Ainda não está completamente clarificado quando os espetadores terão direito a outra temporada da GPL. Sabe-se apenas que a China terá sua própria edição. Mas parece que de algum jeito, irá ter gaming ou personalidades do gaming envolvidas.

“Além do GPI, também estamos adaptando nossos planos para termos uma segunda temporada da GPL mais ampla que se ajuste à nossa nova estratégia, com parceiros adicionais” continuou Dreyfus.

“Acreditamos que o poker tem muito para oferecer à comunidade do gaming e vice-versa, mas primeiro temos de adotá-lo completamente para obtermos o nível de mudanças e crescimento que imaginámos”, concluiu Dreyfus.

Please fill the required fields correctly!

Error saving comment!

You need to wait 3 minutes before posting another comment.

Nenhum Comentário

Melhores Sites de Poker
Ranking de Poker Site Bônus
1 888poker $888 Critique
2 Party Poker $500 Critique